Atividades de Ensino e Pesquisa MJAE

Capítulos de livros

1. BECKER, Beatriz; WALTZ, Igor. “Mapping Journalistic Startups in Brazil: An Exploratory Study”. Studies in Media and Communications. 1ed. Emerald Insight: Emerald Publishing Limited, 2017, v. 13, p. 113-135. Link: http://www.emeraldinsight.com/doi/abs/10.1108/S2050-206020170000013012

2. BECKER, Beatriz; MATA, Jonathan. “Produção colaborativa no telejornalismo: um outro olhar para os vídeos amadores na tevê pública brasileira”. In: Nádia Maria Weber Santos; Ana Luiza Coiro Moraes. (Org.). TVs Públicas, Memórias de Arquivos Audiovisuais. 1ed. São Leopoldo, RS: Oikos, 2016, v. 1, p. 235-254. Link: http://oikoseditora.com.br/obra/index/id/714

3. BECKER, Beatriz. “Telejornalismo e Media Literacy”. In: SOSTER, Demétrio; TONUS, Mirna. (Org.). Jornalismo-Laboratório: Televisão. 1ed. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2015, v. 1, p. 39-60.

 

Apresentações e publicações de trabalhos

1. BECKER, Beatriz. “Interfaces da Comunicação e da Educação na escola: a experiência do CAp-UFRJ em diálogo com alunos e professores”. Comunicação & Educação, v. 22, p. 21-29, 2017. Link: https://www.revistas.usp.br/comueduc/article/view/121886

2. BECKER, Beatriz; WALTZ, Igor; SILVA, Rafael Pereira; CODEÇA, Geovani. “Protagonismo juvenil em áudio e vídeo: o movimento Ocupa nas telas do computador e da tevê”. Estudos em Jornalismo e Mídia, v. 13, p. 08-18, 2017. Link: https://periodicos.ufsc.br/index.php/jornalismo/article/view/1984-6924.2016v13n2p8

3. BECKER, Beatriz; WALTZ, Igor; MACHADO, Heitor; TASSINARI, Joana. “The centrality of TV News in the convergent media environment: rethinking how the links between production and reception assign meaning to the 2016 Olympic Games”. IAMCR/JRE 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4. BECKER, Beatriz. “Media, Television Journalism and Education”. Matrizes (Online), v. 10, p. 149-164, 2016. Link: https://www.revistas.usp.br/matrizes/article/view/119541


Organização e participação em congressos

1. Seminário Mídia e Educaçãorealizado pelo MJAE em dezembro de 2016 em parceria com o Cap-UFRJ, na Casa da Ciência, no campus da Praia Vermelha. O principal objetivo do Seminário foi refletir sobre a relevância da leitura crítica e criativa das mídias nos processos de aprendizagem, tanto na formação escolar quanto universitária. Foram abordados o estado da arte das pesquisas em Mídia e Educação, usos de tecnologias digitais e do ambiente virtual na sala de aula para construção de conhecimentos e capacitação de professores para atuarem com as linguagens multimídia. Link: https://www.facebook.com/gpmjae/posts/649110145258981


2. II Congresso Internacional de Competências Midiáticas: realizado em outubro de 2017 na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), com o objetivo de promover o intercâmbio de informações sobre as competências midiáticas. Na ocasião, foi apresentado o histórico da pesquisa e das atividades de extensão do MJAE que abordam as apropriações de tecnologias digitais em processos de aprendizagens e contribuir para ampliar os debates sobre as relações entre Comunicação e Educação. Link: http://cicom.observatoriodoaudiovisual.com.br/


Disciplinas ministradas 

1. Startups: Jornalismo multimídia e cultura da inovação: A disciplina eletiva foi ministrada para os alunos do curso de jornalismo da ECO/UFRJ nos dois semestres de 2016. O curso propôs uma reflexão crítica sobre os desafios do jornalismo na contemporaneidade e o empreendedorismo, integrada à experiência de produção de conteúdos e formatos jornalísticos inovadores no ambiente midiático convergente. As aulas práticas e teóricas foram constituídas por quatro eixos temáticos: jornalismo digital e multimídia; hibridização de gêneros discursivos; produção colaborativa e startups jornalísticas. 

2. Mídia, Jornalismo Audiovisual e Educação:  A disciplina foi ministrada com 30h de carga de extensão para alunos de graduação de diferentes habilitações da Escola de Comunicação da UFRJ, aberta à participação de estudantes e licenciandos de outras áreas do conhecimento. O curso propôs uma reflexão sobre a pertinência da incorporação das dimensões teórico-metodológicas da Media Literacy e da Análise Televisual no ensino do jornalismo e na formação escolar por permitirem compreender a relevância dos códigos audiovisuais na elaboração e ressignificação dos discursos midiáticos e da vida social cotidiana.